Alecrim

Rosmarinus officinalis
Pedido de Informação


O ALECRIM  é um arbusto muito ramificado, sempre verde, com hastes lenhosas, folhas pequenas e finas, opostas e lanceoladas. A parte superior das folhas é de cor verde-acinzentada, enquanto a inferior é quase prateada. As flores reúnem-se em espigas terminais e são de cor azul ou esbranquiçada.
Toda a planta exala um aroma forte e agradável.

Como tirar o melhor partido das suas ervas

O Alecrim combina na perfeição com carne de porco e aves, em assados de peixe, de carneiro, cabrito e vitela, em batatas assadas e linguiças. Pode ser utilizado em molhos e grelhados. É, ainda, usado na confeção de azeite aromatizado. Os seus raminhos são também muito decorativos.
Originário do mediterrâneo, o alecrim é símbolo da fertilidade e, na Idade Média, era usado para purificar o quarto de doentes. 
Na Grécia Antiga, o aroma desta especiaria perfumava os corredores das academias. Os estudantes usavam raminhos na cabeça para melhorar a memória durante os estudos e exames.
Na horta e na casa é benéfico, pois repele insetos, traças e formigas.

Dica de rega: O alecrim precisa de pouca água para sobreviver. As regas devem ser escassas, sem encharcamento.
Estimula o funcionamento do fígado e facilita a digestão. É indicado para combater o cansaço físico e mental e a depressão. Apresenta propriedades antioxidantes e ajuda na circulação sanguínea. Não deve ser utilizado em situações de diarreia. Em grandes concentrações, pode provocar irritações gastrointestinais e nefrite.

Vários estudos comprovam que o Alecrim combate o declínio cognitivo, ajudando na manutenção de uma memória sã, e pode diminuir o risco de doenças como o Alzheimer.

Aplicações Culinárias

O Alecrim combina na perfeição com carne de porco e aves, em assados de peixe, de carneiro, cabrito e vitela, em batatas assadas e linguiças. Pode ser utilizado em molhos e grelhados. É, ainda, usado na confeção de azeite aromatizado. Os seus raminhos são também muito decorativos.

Curiosidades

Originário do mediterrâneo, o alecrim é símbolo da fertilidade e, na Idade Média, era usado para purificar o quarto de doentes. 
Na Grécia Antiga, o aroma desta especiaria perfumava os corredores das academias. Os estudantes usavam raminhos na cabeça para melhorar a memória durante os estudos e exames.
Na horta e na casa é benéfico, pois repele insetos, traças e formigas.

Dica de rega: O alecrim precisa de pouca água para sobreviver. As regas devem ser escassas, sem encharcamento.

Benefícios Saudáveis

Estimula o funcionamento do fígado e facilita a digestão. É indicado para combater o cansaço físico e mental e a depressão. Apresenta propriedades antioxidantes e ajuda na circulação sanguínea. Não deve ser utilizado em situações de diarreia. Em grandes concentrações, pode provocar irritações gastrointestinais e nefrite.

Vários estudos comprovam que o Alecrim combate o declínio cognitivo, ajudando na manutenção de uma memória sã, e pode diminuir o risco de doenças como o Alzheimer.

Mais informações

Ao usar este website, está a aceitar a utilização de cookies para análise, conteúdo personalizado e apresentação de anúncios.