Tomilho

Thymus vulgaris
Pedido de Informação


O Tomilho é uma planta semi-arbustiva, com caules rasteiros, folhas e flores pequenas (rosadas ou brancas) e um aroma forte e intenso. Como espécie mediterrânica, gosta de solos bem drenados, adaptando-se mesmo em solos muito secos. É uma erva rasteira e pode, em vaso, ser semelhante a uma espécie trepadeira.

Como tirar o melhor partido das suas ervas

Frui de um aroma forte e intenso. De sabor picante, é uma erva aromática que resulta bem com a Salsa e a Salva. As suas flores e folhas têm função culinária. Salienta o sabor de outras ervas, sem, no entanto, intensificá-las em demasia.  É a erva perfeita para guisados e cozidos, pratos de carne, de peixe, sopas e molhos (assados e grelhados).
No Antigo Egito, o tomilho era utilizado para embalsamar as múmias. Os gregos perfumavam-se com esta planta, de acordo com uma lenda local. Na Idade Média, recomendava-se o tomilho para o tratamento de piolhos, paralisia e até mesmo lepra. No século XVII havia quem afirmasse que a planta acabava com a melancolia e evitava noites atormentadas por pesadelos.
É um conservante natural.

Dica de rega: O tomilho precisa de pouca água para sobreviver. As regas devem ser escassas, sem encharcamento.
Digestivo, anti-inflamatório e expetorante (ajuda a limpar as vias respiratórias).
Da sua composição nutricional destacam-se as vitaminas do complexo B, vitamina C e o magnésio.

O Tomilho contém um óleo essencial chamado timol, que possui ação antibacteriana e desinfetante. Atua muito bem contra infeções de bactérias e vírus. O tomilho possui propriedades antissépticas e exerce uma ação sobre os estados febris e as tosses. É recomendado para todos os tipos de infeções, incluindo constipações, gripe e sinusite.
 

Aplicações Culinárias

Frui de um aroma forte e intenso. De sabor picante, é uma erva aromática que resulta bem com a Salsa e a Salva. As suas flores e folhas têm função culinária. Salienta o sabor de outras ervas, sem, no entanto, intensificá-las em demasia.  É a erva perfeita para guisados e cozidos, pratos de carne, de peixe, sopas e molhos (assados e grelhados).

Curiosidades

No Antigo Egito, o tomilho era utilizado para embalsamar as múmias. Os gregos perfumavam-se com esta planta, de acordo com uma lenda local. Na Idade Média, recomendava-se o tomilho para o tratamento de piolhos, paralisia e até mesmo lepra. No século XVII havia quem afirmasse que a planta acabava com a melancolia e evitava noites atormentadas por pesadelos.
É um conservante natural.

Dica de rega: O tomilho precisa de pouca água para sobreviver. As regas devem ser escassas, sem encharcamento.

Benefícios Saudáveis

Digestivo, anti-inflamatório e expetorante (ajuda a limpar as vias respiratórias).
Da sua composição nutricional destacam-se as vitaminas do complexo B, vitamina C e o magnésio.

O Tomilho contém um óleo essencial chamado timol, que possui ação antibacteriana e desinfetante. Atua muito bem contra infeções de bactérias e vírus. O tomilho possui propriedades antissépticas e exerce uma ação sobre os estados febris e as tosses. É recomendado para todos os tipos de infeções, incluindo constipações, gripe e sinusite.
 

Prémios

Tomilho 2017

Mais informações

Utilizamos cookies próprios e de terceiros para lhe oferecer uma melhor experiência e serviço. Para saber que cookies usamos e como os desativar, leia a política de cookies.
Ao ignorar ou fechar esta mensagem, e exceto se tiver desativado as cookies, está a concordar com o seu uso neste dispositivo.